segunda-feira, 17 de agosto de 2009

Vida acontecendo




Já vi a vida como passageira de trem, observando os instantes, tecendo costuras em meu plano mental pelos emaranhados das paisagens fisgadas através do colorido das janelas.

O trem seguia e eu via a vida acontecendo pela janela.
Vida tecida em momentos.
Em partes.
Partida.
Será a vida um relance?
Um olhar de soslaio?
Um retalho?
Não.
Vida é sentimento.
Por querer ser mais do que apenas observadora da vida, pulei da janela do trem.

Fui brincar de viver.

5 comentários:

Elan Lopes disse...

Estende tuas mãos e me empresta um pouco da tua coragem para que eu pule desse trem também? Sei que talvez sair pela janela não seja a melhor opção para mim como foi pra ti, mas está difícil encontrar as outras saídas. Beijo pra ti.

A.Beheregaray disse...

Vida acontecendo para quem consegue ver...

Sempre na janela!

Bjs.

Joice Nunes disse...

ana,
tua busca incessante de vida me comove,sabia?
estou por aqui, sempre.
amo-te
beijos

Fulvio Ribeiro disse...

Ana, acho que só podemos dizer que vivemos, apartir do salto pela janela desse trem de engano, que nos carrega para lugar nenhum.!!! Enquanto a vida passa lá fora.
Simplesmente Ótimo, sensato, e muito profundo Parabéns.
Muita Paz.

Ana Valeska Maia disse...

ô povo lindo!