quarta-feira, 28 de abril de 2010

É um clone


Pensava que hoje escreveria uma rima poética mas não, não dá. O fato é que estou fula da vida porque clonaram a placa do meu carro e estão fazendo estripulias por aí em meu nome. A primeira multa que apareceu foi registrada no carnaval deste ano. Segundo o Detran, eu transportava gente inclusive no porta malas. Detalhe: em Barbalha, na região do Cariri. Adoro o Cariri mas tenho certeza que passei o carnaval em Fortaleza, vendo filmes com meu amor e o carro estava bem quietinho na garagem. Tenho testemunhas para quem duvidar. E agora brotam as multas por excesso de velocidade! Ando a mais de 100 km! Peraí, meu ritmo é o das flores, lembra? “Ando devagar porque já tive pressa e trago este sorriso porque já chorei demais”. Se não bastassem todos os compromissos do dia terei que procurar uma delegacia, fazer um BO e em seguida ir ao Detran e encontrar um meio de mostrar que eu não sou quem está violando as normas lá para as bandas da terra do Padim Ciço. Muito complicado isso! Eu não sou a outra. É um clone seu moço, é um clone!

7 comentários:

Joice disse...

ô, ana! tomara que tu resolva logo isso. vou ficar na torcida por tu,viu? beijos com amor.

Ana Valeska Maia disse...

Joice!
Sim, acho que dá pra resolver numa boa sem perder a poesia.
Bjo Flor.

Veleiro disse...

Que coisa, moça...

Essas chateações são terríveis, não vou negar, eu fico muito bravo com essas coisas que acontecem aqui.

É clonagem, é gente enganando a gente, querendo tirar alguma vantagem em cima de você. Isso cansa.

Entendo e sou solidário, mas a solução é: respirar fundo e ir fazendo uma coisa por vez: delegacia, b.o., detran, defesa administrativa, etc...

Boa sorte!

bjoss

Ana Katarine disse...

Nossa Ana Valeska, que situação!!!
Esses percalços da vida...

Luz
"Sua vida luz será

mas dificuldades e barreiras

que irão te machucar

moinhos e ventos

tentarão te derrubar

não deve desistir

nem desanimar

a dor pode ser forte

mas terá de superar

encontrar um grande amor

poderá aliviar

a família, uma incógnita

ajudar, atrapalhar

mas se no sonho acredita

terá de encontrar

mais respostas pra tal duvida

de aonde irá chegar

acredite, se supere

Deus te fez só pra ganhar

nem o vento, nem a chuva

com a fé podem brigar

e no fim dessa jornada

outrora chamada vida

há de luz aparecer

não do frio da escuridão

mas de um lindo amanhecer."


Guilherme Pinfildi Papaléo
17/02/2005

Um beijo no seu coração

Ana Valeska Maia disse...

Sim, fazer o que? paciencia e resolvendo aos pouquinho os novelos enlinhados.
Bjs queridos.

jefhcardoso disse...

Ana, pensei em uma maneira de falar e homenagear a todos que tanto vêm me incentivando com o carinho e apoio que me doam.
Escrevi uma crônica pensando em nós blogueiros. Falei sobre o que penso ser o blog para nós. Você pode concordar ou discordar; pode também acrescentar; mas não deixe de opinar. Leia e entenderá por que a sua opinião é indispensável para mim e para todos blogueiros.

Abraço do Jefhcardoso do http://jefhcardoso.blogspot.com

jacira Fernandes disse...

rrsrsrsrs... Eu morri de rir... Achei engraçado...
Mas depois vi, que muito grave, o que aconteçi aqui... Eu nao sabia que dava para fazer clonagem das placas dos carros. Desconhecia...
Espero que a Prof consegua resolver..
Beijos Fofos...