segunda-feira, 18 de janeiro de 2010

Anjos de asas cortadas


Indico a leitura do artigo “Alanis, Marias, Rosas e Pedros” do Thiago de Holanda no jornal o Povo de hoje (http://opovo.uol.com.br/opovo/opiniao/945628.html). Thiago trata com sensibilidade o caso do estupro e assassinato da menina Alanis, mas alerta para a recorrência em nossa cidade dos casos de violência sexual contra crianças e adolescentes.

Os casos de abuso sexual são frequentes e muitas vezes acontecem no ambiente doméstico e os agressores costumam ser pessoas conhecidas da criança (pai, padrasto, tio, vizinho). Além do abuso a exploração sexual lamentavelmente ainda é uma triste realidade brasileira e para sensibilizar nosso coração e repensarmos nosso papel em sociedade indico o filme “Anjos do Sol”, de Rudi Lagemann.

Imagem: filme “Anjos do Sol”

4 comentários:

Franzé Oliveira disse...

Será que é só uma realidade brasileira?
Acredito que não.
Essa é a parte animalesca humana.
Triste herança animal guardada em nossos genes.
Devemos ficar atentos e proteger nossas crianças.


Beijos menina linda.

Tatiane Lemos disse...

Nossa, eu vi este filme!
Muito triste mesmo!E concordo com o amigo aí de cima Franzé...

Ana Valeska Maia disse...

Falei do Brasil para dar um foco.
Bjs procês.

daniel simoes disse...

infelizmente nao é só no brasil, nao.
como equilibrar a proteçao sem torna-la proteçao excessiva - uma vez que esta nao é boa para a criança?