segunda-feira, 13 de outubro de 2008

Borboletas

Como assim? As borboletas só vivem poucos dias? Eu acreditava que as borboletas eram eternas. Uma borboleta visita minha casa todos os dias, desde que eu era criança. Todos os dias ela vem ter com as flores daqui. Fiz então um raciocínio lógico: se não é a mesma borboleta, deve ser uma descendente da primeira borboleta que eu vi no meu jardim quando eu tinha 4 anos. Ah, agora vou cumprimentar toda uma linhagem de borboletas! Apareceram 5. 692 borboletas colorindo meu céu.

Um comentário:

M. S... disse...

houve um tempo em que eu acreditei que as pessoas eram como as borboletas, lindas apenas de longe, sobretudo quando voavam e me deixavam, porque 'não-ter' era pura literatura.
Acho que estou aprendendo que quando olhamos bem uma borboleta (como a branca que eu guardo numa caixinha há meses - e que apareceu na noite de Ano Novo, já morrendo no meu jardim)percebemos uma beleza tão singular que de aguda incompreensão de tanta vida, movimento e silêncio, ela pode nos 'soar' como feia.
'Não-ter' é fato. Mas quem precisa possuir quando se pode voar junto?